IBM InterConnect 2017 | a real dimensão da tecnologia

Por Tiago Bueno | 24 Março 2017

Ainda no aeroporto esperando o voo de volta ao Brasil, comecei a pensar sobre os ensinamentos que tive durante o Interconnect que acabou ontem. Maior evento da IBM, ele realmente tem dimensões grandiosas (aliás, o que em Vegas não tem?): cerca de 20.000 participantes, centenas (ou talvez até milhares) de palestras feitas por CEOs, experts técnicos, atores, músicos e até um adolescente de 13 anos, que manda muito bem tanto no palco quanto no conhecimento que tem a compartilhar.

Gostaria de destacar os 3 pontos que mais me surpreenderam:

O alcance da nuvem

Talvez porque me depare com esse tema todos os dias, eu acabe esquecendo o quanto o conceito de cloud é inovador. Todos os tipos de organizações  – de grandes conglomerados a startups – estão sendo beneficiados por uma tecnologia que faz algo essencial: turbina a inovação. E foi bem interessante perceber que a discussão sobre a nuvem está mudando de “como podemos utilizá-la hoje” para “como a utilizaremos no futuro”, ou seja, as barreiras de adoção começam a cair em todos os níveis e é justamente isso que gera a enorme quantidade de inovação que vemos todos os dias, o que me dá o gancho para o próximo tema.

O diferencial das tecnologias cognitivas

Não existe reunião que eu faça com parceiros ou clientes na qual o interlocutor não queira falar sobre o Watson. A computação cognitiva está realmente tomando proporções enormes e sendo reconhecida como um grande diferencial. E também percebi claramente que existe um esforço de muitas entidades em reforçar que o cognitivo pode gerar uma inteligência humana aumentada (e não uma tecnologia que substitui o humano). Transparência e desenvolvimento de novos skills também são pontos fundamentais, tanto que empresas como a IBM e outros gigantes da tecnologia já se juntaram para criar uma parceria (https://www.partnershiponai.org/) que pretende desenvolver melhores práticas e ter uma discussão aberta sobre o tema com a sociedade.

A importância de ir além da tecnologia

E, falando em sociedade, aqui entra o ponto que mais me deixou satisfeito no evento: perceber que estamos cada vez mais discutindo tecnologia além do ambiente empresarial. É claro que já se fala muito de tecnologia no plano individual quando falamos de eletrônicos, devices, telefones, smart watches, etc., mas não é a essa discussão “rasa” que me refiro. Durante o evento presenciei palestras sobre cyber bullying e como precisamos amadurecer como sociedade para encararmos a anonimidade das redes sociais, sobre como a tecnologia empodera cada um de nós e permite que mudemos o mundo de dentro das nossas casas, ou até mesmo sobre como música e tecnologia juntas fazem com que milhares de pessoas localizadas nos mais diversos pontos do planeta se sintam parte de algo maior quando colocadas para trabalhar para o mesmo objetivo.

Ou seja, a dimensão que a tecnologia está tomando é cada vez mais fundamental para o desenvolvimento não só dos negócios, mas da nossa sociedade como um todo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

White Paper relacionado


Marketing

5 regras mandatórias para otimizar seu CRM

CRM é hoje o coração das estratégias e táticas de captação e manutenção de good leads, que se transformarão em conversão, se bem trabalhadas. Veja 5 dicas para fazer com que isso aconteça.

5 regras mandatórias para otimizar seu CRM (193 downloads)

Artigos Relacionados