Home Notícias CES 2016: um dejá-vu anabolizado

CES 2016: um dejá-vu anabolizado

129
0

A CES deste ano apresentou mais um avanço nas tendências antes registradas nos anos anteriores, do que a introdução de novidades tecnológicas disruptivas, que até então não havíamos visto.

O cardápio geral ficou em torno dos temas e tecnologias de ponta que temos ouvido falar com frequência, como VR (realidade aumentada), wearable computing, drones, carros e utensílios inteligentes e conectados (internet das coisas), além dos já tradicionais avanços dos modelos de celulares, tablets, TVs e congêneres.

Um resuminho do que merece atenção.

Realidade Aumentada

Uma das grandes vedetes da feira, a Realidade Aumentada (Virtual Reality ou VR) ganhou este ano, com o HTC Vive Pre, um feature a mais para encurtar o caminho entre essa tecnologia extremamente aderente ao mundos dos games, mas até agora ainda não comprovada como uma tendência mainstream, daquelas que iremos usar normalmente em nosso dia a dia. O HTC Vive Pre quebra uma barreira importante nesse sentido, porque permite ao usuário manter-se ambientado no mundo real, enquanto experimenta sua “viagem” particular no mundo virtual.

Screen Shot 2016-01-11 at 11.07.39

Wearable Computing

Dentre computadores de vestir, aqueles que parece caminhar um pouco mais a frente dos demais são os que levamos no pulso. Os relógios quebram o limite entre a internet das coisas e a computação de vestir, porque são ambas. Na CES 2016 foram apresentados vários novos modelos. E dentre as companhias que mais se destacaram nessa tendência, sem dúvida, destaque para a Samsung. No stand da corporação foi possível encontrar paletós, bolsas, pulseiras, camisas de golfe, tudo conectado.

Screen Shot 2016-01-11 at 11.12.25

TV Software

Netflix fez na feira um dos grandes anúncios de negócio do evento: o de que agora está disponível em 130 países, tornando-se a primeira cadeia mundial de TV efetivamente global do Planeta. Netflix é um software, amparado por um dos mais brilhantes modelos de negócio no mundo da distribuição de entretenimento, depois da TV a cabo, lançada décadas atrás.

Internet of Things

Foram inúmeros os modelos de novos gadgets conectados e inteligentes apresentados na feira, mas o que aparentemente mais chamou a atenção foi a geladeira LG Signature, que a um toque na porta torna-se transparente para que possamos ver o que há lá dentro, além de a porta se abrir assim que seus pés se aproximem dela (ótimo para quando suas mãos estão ocupadas). Tudo isso ainda parece um pouco de perfumaria diante das promessas de que os refrigeradores iriam de fato nos avisar quando precisamos comprar novos produtos porque eles estão acabando, fazer a encomenda direto ao supermercado. Como diz a Wired sobre ele, “é mais bonito que inteligente”. Mas enfim, é o que temos para o momento.

Screen Shot 2016-01-11 at 11.14.15

Drones

Já falamos e mostramos aqui o drone que voa gente, o EHANG 186. Sem dúvida, a estrela da feira na categoria.

3D Printing

As impressoras 3D foram já, há 5 anos, o must da CES e de outras feiras internacionais de tecnologia. Elas continuam evoluindo de uma forma impressionante e são já hoje, dessas tecnologias de ponta todas, aquelas que de fato já se incorporaram ao nosso cotidiano, evoluindo para uma série de segmentos da atividade humana, da engenharia a medicina. Partes dos foguetes da Space X, de Elon Musk, são hoje feitos em 3D Printing. Impressionante. Na CES um dos destaques no segmento foi a bicicleta japonesa Orbitrec é feita de titanium, o que significa que ela é extremamente resistente e extremamente leve, ao mesmo tempo. Além disso, é uma bicicleta conectada. Integra-se ao seu iPhone e consegue registrar indicadores de performance como velocidade, temperatura e pode até enviar mensagem de SOS em caso de acidente.

Screen Shot 2016-01-11 at 11.16.06

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here